sexta-feira, 9 de abril de 2010

{passo a passo}


e aos poucos, descobri que tudo que perdi, não era nada, comparado com tudo o que tinha ganho.

foi difícil chegar até aqui, até esta conclusão... porque ensinaram-me a olhar só para o que se perde, para aquilo que não existe mais. porque é assim... estamos habituados a sentir [a chorar] somente o que deixamos de ter.

e sentimos a culpa. que nos confunde, nos transvia. e com a culpa, o porquê isto? o que faço agora? e corremos. à procura [vã] de respostas para as perguntas escusadas que teimam em ser.

corremos [num vertiginoso caminho que nos leva a lado nenhum] desesperados. perdidos. dementes. alucinados. à procura de nós mesmos.

até ao momento em que se dá a colisão com a nossa consciência. então, descobrimos que a resposta está em nós. somos nós.

e, como olhos de ver [ver vs olhar] tudo parece óbvio. fácil. e sorrimos.

afinal... eu não perdi.

afinal, eu ganhei.

superei obstáculos insuperáveis, tenho vitórias que celebro todos os dias, recuperei a vida, descobri o [verdadeiro] significado da palavra amizade, conquistei caminho...

[sim, posso ter perdido... mas nada, mesmo nada... comparando com o que eu ganhei, com o que eu tenho tenho hoje]

9 comentários:

Fê-blue bird disse...

Amiga:

Um abraço grande e apertado!

Sem mais palavras...entre nós não são precisas!

Poetic GIRL disse...

Eu acredito que nas perdas é que crescemos como pessoas. Já pensas-te no que seria se tudo fosse como a gente quer? chegavamos a um ponto da vida que nos cansariamos, não nos sentiriamos desafiados...viver é um desafio, e se fizermos o balanço no fundo as coisas boas sobrepõem-se às más... bjs

caminhante disse...

sem obstáculos, sem desafios, que vitórias celebraríamos?

obrigada pela visita :)

Olga disse...

Adorei este passo a passo. Todas as caminhadas nos trazem aprendizagens e no fim ganhamos mais do que perdemos. Beijinhos.

Helga disse...

Não perdemos nada que não se transforme em ganho, em experiência, em enriquecimento e em força. Agrada-me saber que passo a passo, ficas mais perto de te encontrares e de valorizares tudo o que aprendeste.

Beijinho :)

Brown Eyes disse...

Isto é o que se chama crescer. Quem pensa assim cresceu, amadureceu e vive dando valor aquilo que muitos desconhecem. Um beijinho grande. Se precisares de uma mãozinha tens lá, naquele cantinho, alguém que ta dará. Alguém que conhece esse levantar, esse ganhar quando os outros pensam que perdemos.
Beijinhos

caminhante disse...

olga, aprendemos sempre. mesmo no acontecimento mais terrível, há uma lição a tirar. e uma vitória.

helga, aprender e agradecer. cada dia, cada momento...

brown eyes, os outros são os outros... nós somos nós...

beijinhos...

Insana disse...

Às vezes é bem isto. Aquela pessoa que nada faz vai embora e deixa o espaço a quem venha fazer.. Então não perdemos uma amizade só abrimos espaço para algo verdadeiro.

Bjs
Insana

Amélia disse...

Mas não deve ter sido nada fácil chegar a esta conclusão. Foi?
bj.