domingo, 13 de junho de 2010

{baby steps}



always look at what you have left.
never look at what you have lost.

Robert H. Schulle


[porque, na realidade, o que se ganha consegue superar o que se perde...]

15 comentários:

pink poison disse...

Tens razão, o que está perdido, é passado. Força, beijinho

Chica disse...

Linda reflexão e verdadeira!beijos,chica

Fê-blue bird disse...

E já ganhámos tanto!

Beijos mil

Poetic GIRL disse...

Ás vezes não penso assim, parece-me que o que se perder é sempre imensamente maior! bjs

Anónimo disse...

Pois, eu descobri que não é sobre o que me perdi, mas o que eu ganhei. Eu sei que tenho uma vida, mais completa, sem ele. Posso concentrar-me nos meus objectivos ao invés de tentar constantemente fazê-lo feliz. E eu sei que, em última instância, isso vai fazer toda a diferença.

manelat disse...

Mais uma vez, tens toda a razão. Eu aprendi que é assim mesmo. O que perdemos é tão insignificante ao lado daquilo que achamos que perdemos.

Leolpoldo disse...

Magnífico pensamento. Aquele abraço.

eliane disse...

Nós vivemos achando que perdemos mas no fundo isso é só ilusão.

beijinho querida :)

cc disse...

Eu faço sempre isso. Temos que o fazer, querida amiga. Porque não vale a pena chorar por aquilo que passou. Um beijinho.

Rita disse...

É isso mesmo! Tem que ser assim, para conseguirmos seguir em frente. Se estivermos sempre a lamentar o que perdemos, não conseguimos dar o passo necessário.

xoxo

Miguel disse...

Às vezes perdemos, é a vida e por isso temos que aprender a olhar para o que ainda existe por ganhar.

Helga disse...

As vezes, perdemos tempo demais a pensar no que perdemos, que nem percebemos o que vamos ganhando.

Um beijinho :)

Rei da Lã disse...

Ainda vais tirar o lugar ao Carlos Queirós...

;)

caminhante disse...

o que ficou para trás... ficou. nada a fazer: então porque chorar pelo "leite derramado"? o que interessa é que podemos mudar o amanhã, mudando o hoje. hoje é o dia...

Olga disse...

Frase cheia de sabedoria.